ejaculaçao precoce: tratamento para ejaculaçao precoce

Sobre a Ejaculação Precoce

Quando a excitação chega a altos níveis, o orgasmo é inevitável. No homem, ele está associado ao fenômeno de expulsão do esperma, denominado ejaculação.      ejaculaçao precoce: tratamento para ejaculaçao precoce

Quando a ejaculação ocorre de forma muito rápida, por ausência, constante ou intermitente, do controle voluntário, ela é designada como Ejaculação Precoce ou Ejaculação Prematura e faz parte de um conjunto de “Distúrbios da Ejaculação”.

Caracterizada pela falta de autonomia sobre o ato de ejacular, a Ejaculação Precoce preocupa o homem contemporâneo, que teme não agradar a parceira, uma vez que as mulheres já conquistaram o direito a uma vida sexual prazerosa.

Esse quadro disfuncional, muitas vezes, causa enorme sofrimento psicológico no homem e em sua parceira, porque ela também anseia por sentir e por dar prazer.

Usando um critério quantitativo, é possível nos basear no tempo de penetração e em um fator que envolve os movimentos coitais. Alguns autores consideram prematura a ejaculação que ocorre durante os primeiros 30 segundos de penetração e outros autores, como Kinsey et al. (1949), fixam este tempo em 2 minutos. Quanto ao fator movimentos coitais, certos pesquisadores, consideram que uma relação sexual ideal deva abarcar pelo menos 15 movimentos

Como pesquisadora, entendo que não existe um parâmetro absoluto. Na relação sexual, é essencial que se utilize um critério qualitativo, que valorize a interação entre os parceiros na busca do prazer.

Mas, sendo a ejaculação um ato reflexo, portanto involuntário, o homem deve procurar exercer o controle de suas condições premonitórias, isto é, daqueles eventos e sensações que prenunciam uma “eminência ejaculatória”. Trata-se de controle e de autonomia sobre o seu próprio corpo; domínio este que, nos casos de Ejaculação Precoce, é “perdido”, dando lugar à incerteza, à ansiedade e aos conflitos relacionais.

A Ejaculação Precoce é a mais frequente das disfunções sexuais e está presente em 30% da população masculina e em 50% das relações cotidianas de um casal.          ejaculaçao precoce: tratamento para ejaculaçao precoce

A Ejaculação Prematura pode ser classificada em primária ou secundária, sendo que a primária tem causas psicológicas e a secundária, é determinada por fatores orgânicos, que, por sua vez, acabam, também, por provocar consequências psíquicas.

As causas sempre envolvem um conjunto de acontecimentos, sensações e marcas emocionais, recentes ou com origem nas diversas fases do desenvolvimento infantil. Existem autores que apontam a masturbação e relações apressadas como principais causas, sendo a Ejaculação Precoce a consequência de um hábito adquirido por aprendizagem inadequada.

Além da ansiedade, comum em todas as disfunções, a Ejaculação Precoce pode gerar outras consequências insalubres, como: a diminuição da autoestima, o sentimento de vergonha pela frustração repetida em não satisfazer a parceira, a esquiva do ato sexual ou, até mesmo, o aumento compulsivo de relações sexuais, na busca de compensação.          ejaculaçao precoce: tratamento para ejaculaçao precoce

Nos casos mais graves, além do inevitável desgaste na relação afetiva do casal, o sentimento de tristeza e a insegurança podem difundir-se para outras áreas da sua vida, como o trabalho, a vida social e familiar. Por fim, pode ocorrer, também, a somatização do problema, situação que pode levar, até mesmo, ao adoecimento do corpo.

ejaculaçao precoce: tratamento para ejaculaçao precoce

como evitar ejaculaçao precoce – ejaculaçao precoce tem cura – tratamento para ejaculaçao precoce – ejaculaçao precoce tratamento – como controlar a ejaculaçao precoce – remedio para ejaculaçao precoce – ejaculação – como tratar ejaculaçao precoce
tratamento ejaculaçao precoce – como acabar com a ejaculação precoce – o que é ejaculaçao precoce – ejaculaçao precoce como resolver – como tratar a ejaculação precoce – como controlar ejaculaçao precoce – como curar ejaculaçao precoce

Tratamento para Ejaculação Precoce

A Ejaculação Precoce é a disfunção sexual mais fácil de ser tratada. Em 98% dos casos se obtém uma solução favorável e o tratamento também é o mais rápido, se comparado ao de outras disfunções.

As técnicas da psicoterapia cognitiva comportamental, o relaxamento, a dessensibilização, o esclarecimento e a intervenção terapêutica com o casal, têm se mostrado métodos muito satisfatórios.

Antes da escolha das técnicas psicoterapêuticas, é imprescindível uma avaliação ou o diagnóstico do homem, portador da disfunção, e, para tanto, é necessário a aplicação de questionários e entrevistas próprias da sexologia. Também é prudente fazer uma avaliação da relação conjugal.    ejaculaçao precoce: tratamento para ejaculaçao precoce

O uso de antidepressivos, tranquilizantes e estimuladores de ereção, antes indicados por alguns médicos e pesquisadores, resultaram em insucesso. De modo geral, a farmacoterapia tem decepcionado, principalmente devido aos efeitos colaterais, mas, também, porque, após a retirada a droga, o quadro disfuncional se restabelece.

Destruindo a Disfunção Precoce

DESTRUINDO A DISFUNÇÃO PRECOCE É UM E-BOOK QUE VAI TE ENSINAR TÉCNICAS MILENARES,QUE VÃO TE PROPORCIONAR MAIS TEMPO NA CAMA COM TUA PARCEIRA…….BAIXE AGORA AQUI OU CLIK NA IMAGEM 

CAUSAS E SOLUÇÕES

Caso tenha se identificado com a descrição acima, saiba que você não está sozinho: segundo estudos, este distúrbio atinge em torno de 30% da população masculina mundial.

Não pense você, no entanto, que o problema está na cabeça de baixo; é mais provável que ele esteja na de cima.

Afinal, a principal causa da ejaculação precoce é a ansiedade.

E temos aí uma bola de neve: quanto mais o episódio se repete, mais ansioso você fica na próxima transa, mais adrenalina o seu corpo produz — e mais rápido ainda você vai gozar.

Mas existem algumas técnicas que ajudam o homem controlar o orgasmo.

Uma delas consiste em fortalecer os músculos pélvicos, realizando o Exercício de Kegel, sobre o que já falamos aqui no site.

Outra sugestão: treinar o autocontrole durante a masturbação, buscando aumentar gradativamente o seu tempo de resistência ao orgasmo.

CONHEÇA ALGUNS MÉTODO ALTERNATIVOS E NATURAL PARA ACABAR COM A EJACULAÇÃO PRECOCE:

DESTRUINDO A EJACULAÇÃO !! 
ACESSO AQUI

MACA  X   POWER !! 
ACESSO AQUI

TESÃO DE VACA !! 
ACESSO AQUI

XTRASIZE ORIGINAL !! 
ACESSO AQUI

POTÊNCIA SEXUAL !! 
ACESSO AQUI

Mais algumas alternativas:

1. Usar preservativo com efeito retardante (existem várias opções na farmácia)

2. Se masturbar um dia antes de fazer sexo, ou até mesmo de manhã, para aliviar o tesão

3. Dar preferência às posições sexuais em que você tem mais controle

Inclusive publicamos há pouco tempo uma matéria no site com 10 dicas para fazer o sexo durar mais. Vale a pena ler.

Ter um diálogo honesto com sua parceira também é algo que ajuda, pois tira grande parte da pressão e alivia a ansiedade.

E caso nenhuma dessas dicas funcione, não precisa se desesperar: procure um urologista e um psicólogo para ajudá-lo no tratamento desse problema.

Quase todos os homens que não conseguem se curar sozinho alcançam seu objetivo quando são auxiliados por um profissional da área. O negócio é criar coragem e encarar o problema de frente.

ejaculaçao precoce: tratamento para ejaculaçao precoce

como evitar ejaculaçao precoce – ejaculaçao precoce tem cura – tratamento para ejaculaçao precoce – ejaculaçao precoce tratamento – como controlar a ejaculaçao precoce – remedio para ejaculaçao precoce – ejaculação – como tratar ejaculaçao precoce
tratamento ejaculaçao precoce – como acabar com a ejaculação precoce – o que é ejaculaçao precoce – ejaculaçao precoce como resolver – como tratar a ejaculação precoce – como controlar ejaculaçao precoce – como curar ejaculaçao precoce

O que é ejaculação precoce?

A ejaculação precoce ou prematura é a ocorrência persistente ou recorrente de ejaculação com estimulação sexual mínima, ocorrendo antes ou pouco tempo após a penetração e antes que a pessoa o deseje (geralmente inferior a 1 a 3 minutos). Ou seja, trata-se de uma ejaculação que ocorre de uma forma “antecipada ou mais rápida” que o desejável pelo homem.

O significado de ejaculação prematura, que pressupõe um fenómeno ejaculatório adiantado ou que ocorre antes do tempo deve ser distinguido de Impotência sexual masculina ou mesmo de incapacidade em ejacular, também conhecido por anejaculação ou ejaculação retrógrada.

A ejaculação precoce masculina é um problema que afeta até 20 a 30% dos homens, podendo surgir em todas as idades. Pode ser subdividida em:

Ejaculação precoce primária ou vitalícia – surge desde o início da atividade sexual e manifesta-se em todas ou quase todas as relações sexuais; presente em cerca de 25% dos casos de ejaculação prematura.

Ejaculação precoce secundária – surge em determinado período específico da vida sexual da pessoa, pressupondo uma experiência ejaculatória prévia normal. Presente em cerca de 75% dos casos de ejaculação prematura.

Outras formas de ejaculação prematura, não reconhecidas como patologias (doenças) mas sim como variações do normal, são:

Ejaculação precoce natural variável – quando presente ocasionalmente e em determinadas relações sexuais ou com determinadas parceiras sexuais; não é considerado patológico mas apenas uma variação normal do tempo de ejaculação do homem.

Ejaculação precoce subjectiva – homens que referem ter ejaculação prematura atendendo ao que desejavam ser o seu desempenho sexual, embora apresentem tempos até à ejaculação considerados normais.

Ejaculação precoce – causas

As causas mais frequentes para a ejaculação prematura são:

1. Causas psicológicas – neste âmbito podemos incluir algumas doenças como a depressão e os distúrbios de ansiedade, ou outras condições mais frequentes como o nervosismo e a ansiedade de desempenho sexual;
2. O stress e cansaço;
3. Problemas de relação / interpessoais e disfunções sexuais femininas (tendência do homem em abreviar a relação sexual se a parceira tiver dor ou desconforto durante o ato sexual);
4. Disfunção erétcil (ereções de curta duração ou com pouca rigidez propiciam a que o homem deseje atingir rapidamente o orgasmo e a ejaculação);
5. Suspensão de determinados fármacos ou toma de drogas recreacionais;
6. Prostatite ou hipertiroidismo.
A idade pode ser um factor indiciador da causa subjacente: em jovens a ejaculação precoce é mais frequentemente associada a problemas de ansiedade de desempenho, que provoca uma estimulação do sistema nervoso e reduz o limiar excitatório. Nos idosos surge com maior frequência em contexto de certas doenças como a inflamação da próstata (prostatite), a disfunção eréctil, o hipertiroidismo e a depressão. A ejaculação adquirida de causa orgânica é mais comum no doente mais velho e com várias patologias simultâneas como obesidade, hipertensão (pressão arterial alta) e diabetes mellitus.

Ejaculação precoce – sinais e sintomas

Na avaliação de um homem com ejaculação prematura é importante avaliar o estado de espírito, o cansaço / stress do dia-a-dia e a sua vida familiar.

Os sinais e os sintomas mais comuns dependem da causa subjacente à ejaculação prematura. Deste modo, podemos estar perante múltiplos sinais como:

1. Ereções de curta duração ou pouca rigidez;
2 Insónias, mau humor, stress e cansaço;
3. Perda de peso e tremor;
4. Disfunções sexuais da parceira, como dor durante o ato sexual (dispareunia);
5. Dor pélvica crónica (ver prostatite crónica);
6. Infecções urinárias recorrentes;
7. Perda de vontade sexual, entre outros …

Diagnóstico da ejaculação precoce

Como a definição refere, o diagnóstico de ejaculação prematura pressupõe a existência persistente de um período de tempo curto desde o início da estimulação peniana até ao momento da ejaculação (geralmente inferior a 1 a 3 minutos), com incapacidade do próprio em conseguir “segurar” ou adiar a ejaculação e que causa consequências pessoais negativas como frustração, stress ou evicção da atividade sexual. O diagnóstico e estudo da ejaculação precoce é feito, habitualmente, pelo médico urologista (especialista em urologia).

Existem alguns testes laboratoriais destinados a estudar a causa subjacente a esta patologia como as análises da testosterona, das hormonas tiroideias, glicemias, ficha lipídica, etc.

Pode também ser necessário alguns exames imagiológicos, como a ecografia prostática (da próstata) em determinados casos, entre outros que o médico julgue necessários.

Saiba, aqui, o que é ecografia prostática (da próstata).

Os homens que padecem de ejaculação prematura não devem ter qualquer tipo de vergonha em procurar o médico urologista, de modo a instituir um plano de tratamento. Na atualidade, os tratamentos disponíveis permitem tratar eficazmente uma larga maioria dos casos, conforme veremos adiante com maior detalhe.

Ejaculação precoce e orgasmo

O orgasmo masculino corresponde ao processamento do nosso cérebro dos estímulos sensitivos detetados pelos nervos pélvicos face ao aumento da pressão na uretra que ocorre durante a ejaculação. Assim, o facto de a ejaculação ocorrer de forma prematura pode não interferir muito na sensação orgasmática do homem. No entanto, a insatisfação ou frustração do homem com o seu rápido desempenho sexual pode condicionar traumas psicológicos e elevados níveis de ansiedade, diminuindo a probabilidade de cura e dando origem à evicção da atividade sexual ou à disfunção erétil.

Ejaculação precoce – tratamento

O tratamento da ejaculação precoce visa controlar ou retardar a ejaculação, ou seja, através de soluções terapêuticas que permitam prolongar e tornar o ato sexual mais satisfatório (demorar mais tempo até que seja atingida a ejaculação).

Antes do recurso aos medicamentos ou à psicoterapia devem ser tentadas algumas técnicas que permitem evitar a ejaculação precoce:

1. Exercícios de “start and stop” – fazer pausas ou suspender temporariamente (segundos a minutos) a atividade sexual nos momentos de maior excitação;
2. Masturbação prévia – pode ter um bom resultado, fundamentalmente, em doentes jovens, com boa função erétil e período refratário curto (espaço de tempo pequeno em obter uma ereção após a ejaculação);
3. Exercer pressão sobre a glande nos momentos prévios à ejaculação – despoleta reflexo fisiológico que inibe a sensação de prazer e diminui a probabilidade de ejaculação;
4. Exercícios de distração mental – incentivar a pensamentos não eróticos nos momentos prévios à sensação de ejaculação iminente – exemplos: elaborar lista de compras, planear o dia seguinte, etc.
5. A sensibilidade ao pénis pode também ser reduzida com o uso de um preservativo ou creme de anestesia tópica (lidocaína-prilocaína). Na utilização da pomada ou gel aplicado no pénis é necessário deixar absorver antes da relação sexual ou utilizar um preservativo para impedir a passagem de anestésico para a parceira. Embora o tempo para a ejaculação seja prolongado, uma percentagem significativa de homens experimentou menor prazer (dormência peniana) ou perda de ereção.

como evitar ejaculaçao precoce – ejaculaçao precoce tem cura – tratamento para ejaculaçao precoce – ejaculaçao precoce tratamento – como controlar a ejaculaçao precoce – remedio para ejaculaçao precoce – ejaculação – como tratar ejaculaçao precoce
tratamento ejaculaçao precoce – como acabar com a ejaculação precoce – o que é ejaculaçao precoce – ejaculaçao precoce como resolver – como tratar a ejaculação precoce – como controlar ejaculaçao precoce – como curar ejaculaçao precoce

Noticias Web

Noticia Web foi criado para trazer noticias relevantes a você, que quer ficar informado do dia dia do nosso Brasil e mundo. OBRIGADO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *