Ardência nos pés – dicas e remédios para tratá-la

A ardência nos pés é um incômodo sintoma que pode vir acompanhado com formigamento e dor. Você costuma sofrer com o problema frequentemente? Descubra como combatê-lo com remédios de origem natural.

A sensação de ardência nos pés é um sintoma comum das lesões que comprometem os nervos das pernas e dos pés. Frequentemente afeta os pacientes com neuropatia diabética, ainda que também possa aparecer devido a deficiências nutricionais, sobrecarga muscular, infecções, entre outros. Conhece os remédios para a ardência nos pés?

O incômodo pode ser leve ou severo, em função de sua causa subjacente. Ainda mais, pode vir acompanhada com formigamento, adormecimento, inflamação e outra variedade de sintomas. Felizmente, existem várias soluções de origem natural que trazem uma sensação de alívio. Convidamos a todos a descobri-las.

5 remédios para a ardência nos pés.

Na hora de provar remédios para o ardor nos pés é importante considerar a causa subjacente. Ainda que as preparações naturais sejam calmantes, às vezes outros tratamentos são requeridos. Por isso, se a ardência nos pés é causada por neuropatia diabética, infecções ou doenças que afetam os nervos, consulte o médico.

Contudo, se o incômodo provém de uma sobrecarga muscular, estresse ou pelo uso frequente de calçado inapropriado, é possível testar as alternativas naturais sem nenhum inconveniente. Anote!

1. Sais de Epsom

Os banhos com sais de Epsom seguem vigentes como terapia natural para a ardência e dor nos pés. Devido ao seu efeito relaxante, é ideal contra o mal-estar causado por problemas nervosos, musculares e circulatórios.

Como fazer?

Primeiramente, adicione meia xícara de sais de Epsom em uma bacia com água quente.
Em seguida, submerja os pés durante 15 ou 20 minutos.

2. Azeite de oliva.

As massagens com azeite de oliva se destacam nesta lista de remédios para o ardor nos pés. Ainda que seja um produto com muitas aplicações culinárias, também tem diversas aplicações terapêuticas. Seu uso externo relaxa os músculos e combate o inchaço e formigamento.

Como fazer?

Esquente um par de colheres de azeite de oliva em uma temperatura apta para aplicar sobre a pele.
Em seguida, esfregue sobre os pés com uma suave massagem. Prolongue o tratamento por uns 10 minutos e descanse.
Se desejar, repita a cada noite antes de dormir.

3. Remédios para a ardência nos pés: tomilho.

O tomilho contém uma substância conhecida como timolol, cuja ação reduz as dores nas articulações, o formigamento e a inflamação. Portanto, tanto a planta como seus óleos essenciais, podem ser usados para complementar o tratamento do ardor nos pés.

Como fazer?

Primeiramente, adicione o tomilho fresco em uma panela com água fervendo.
Tape a preparação e deixe-a repousar até que alcance uma temperatura suportável.
Em seguida, verta o líquido em uma bacia com água e submerja os pés 20 minutos.
De modo opcional, combine umas 5 gotas de óleo de tomilho com azeite de oliva e faça uma massagem.

4. Óleo de linhaça.

Por sua significativa concentração de ácidos graxos ômega 3 e antioxidantes, o óleo de linhaça foi catalogado como um óleo terapêutico. Sua aplicação tópica regula a atividade do sistema nervoso, melhora o fluxo sanguíneo e reduz a inflamação.

Como fazer?

Primeiramente, coloque uma colher de óleo de linhaça nas palmas das mãos.
Em seguida, esfregue-as entre si e use-as para massagear os pés.
Realize a massagem durante 10 minutos e descanse.

Ardência nos pés – dicas e remédios para tratá-la

5. Água fria e quente.

As mudanças térmicas ajudam a contrair e relaxar os músculos, favorecendo um melhor descanso da zona dos pés.

Encerramos esta compilação de remédios para o ardor dos pés com uma alternativa básica e acessível para todos: alternar água fria e quente. Esta simples terapia ajuda a recuperar o músculo, tendões e nervos logo após o exercício ou qualquer atividade de alta intensidade.

Como fazer?

Quando experimentar ardência nos pés, submerja os pés na água quente. Espere uns 3 minutos e, em seguida, passe-os para uma bacia com água fria. Repita a mesma ação 2 ou 3 vezes, até sentir os pés relaxados.
O uso destes remédios para o ardor nos pés costuma ser suficiente para reduzir os incômodos. No entanto, se os sintomas persistirem ou piorarem, o melhor é solicitar atenção médica o quanto antes. Observe também outros sinais como úlceras ou feridas abertas, ardor intenso, ardor irradiado para as pernas, sensibilidade nos dedos, etc.

Tratamentos para a dor na planta dos pés.

O excesso de pressão nos pés, que é a causa da fascite plantar, pode ocorrer por diversos motivos, desde o sobrepeso ao mau uso de calçados.

A dor na planta dos pés (ou fascite plantar) ocorre mais exatamente na parte baixa do calcanhar – ainda que possa se irradiar por todo o pé ou ter outro foco de início.

Essa dor pode ser provocada pelo excesso de pressão nos pés, causando uma ruptura dos ligamentos e gerando uma intensa dor e sensação de rigidez na parte do calcanhar.

Causas da dor na planta dos pés.

A fascite plantar pode ser provocada principalmente por:

Excesso de peso
Gravidez
Jornadas de trabalho muito pesadas
Mau uso de calçados
Pés planos ou com muita curvatura

Sintomas.

Os sintomas que são produzidos por essa condição geralmente são:

Dor
Ardor na parte baixa do calcanhar (ou em todo o pé)
Rigidez
Geralmente, esse problema se apresenta somente em um dos pés, ainda que possa aparecer nos dois de uma vez.

Ele é muito mais forte pelas manhãs, quando damos os primeiros passos logo depois do descanso da noite ou quando ficamos em pé depois de um longo período sentados.

A dor também pode surgir depois de realizar uma série de exercícios ou qualquer atividade que exija ficar muito tempo em pé.

Tratamentos para a dor na planta dos pés.

O tratamento indicado para a dor na planta do pé é fundamentalmente reduzir a inflamação ao máximo.

Remédios caseiros.

O primeiro passo para aliviar a dor é ficar descalço o máximo de tempo possível. Além disso, aplique gelo ao menos quatro vezes ao dia, vinte minutos por vez para ajudar a desinflamar a zona afetada.

No sapato, coloque um suporte que apoie o arco do pé para reduzir a dor. Dedique pelo menos vinte minutos diários à prática de exercícios de alongamento.

Tome alguns remédios anti-inflamatórios, como o ibuprofeno, para ajudar a reduzir a dor. Mas não abuse.

Ardência nos pés – dicas e remédios para tratá-la

Tratamentos médicos.

Se os anti-inflamatórios não estiverem dando o efeito desejado, recorra a um tratamento mais forte e eficaz, como a aplicação de uma injeção de corticoesteroides.

Elas são aplicadas diretamente na parte afetada do ligamento, na pele do calcanhar ou no arco do pé.

Em seguida, uma corrente elétrica é aplicada. Ela não causa dor, apenas permite que o esteroide penetre na pele e no músculo.

Além disso, o profissional pode optar por fazer fisioterapia, onde são feitos alongamentos da fascite plantar e nos tendões de Aquiles. Da mesma forma, recomendam exercícios para fortalecer os músculos inferiores da perna.

Em alguns casos, é primordial a utilização de talas noturnas, que ajudam a esticar a panturrilha e o arco do pé, permitindo que ele se mantenha flexionado alargando a fascite plantar e o tendão de Aquiles, para reduzir a dor e a rigidez pela manhã.

Nos sapatos, pode-se utilizar alguns aparatos ortopédicos que ajudam a distribuir a pressão. Dessa maneira, evitam-se danos de maior importância na fascite plantar.

Lembre-se.

É sumamente importante que você se atente a todos os sintomas apresentados. Se, ao iniciar um tratamento com os remédios caseiros que recomendamos, você não sentir melhora, é melhor procurar um médico imediatamente e seguir o tratamento prescrito.

Noticias Web

Noticia Web foi criado para trazer noticias relevantes a você, que quer ficar informado do dia dia do nosso Brasil e mundo. OBRIGADO

2 comentários em “Ardência nos pés – dicas e remédios para tratá-la

  • 8 de agosto de 2019 em 7:17 PM
    Permalink

    I enjoy what you guys are usually up too. Such clever work and exposure! Keep up the excellent works guys I’ve you guys to my own blogroll.

    Resposta
  • 30 de julho de 2019 em 4:21 AM
    Permalink

    Lovely just what I was searching for.Thanks to the author for taking his clock time on this one.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *